quinta-feira, 4 de junho de 2009

"Eu acreditar não acredito...


...mas que as há, há!"
Sempre ouvi este provérbio dito em relação ás bruxas e que é usado habitualmente quando não acreditamos em algo que ao mesmo tempo suspeitamos haver.
Isto a propósito de este "novo" Belenenses. Sinceramente não sei se hei-de acreditar em ventos de mudança, em bons ventos ou se continuar descrente neste clube (vulgo gerência, que o clube para mim é puro).
Pagam-se mercenários, cobram-se rendas de 30(!!) anos e escolhe-se treinador.
Todos estes pontos são inevitáveis e todos têm a sua importância. O primeiro era condição obrigatória para nos podermos inscrever nas competições. O segundo era obrigatório porque estamos falidos (hipoteca-se o futuro). O terceiro...pelo nome não chegava lá e pela foto só o relacionava com a académica (e já lá vão uns aninhos).
Quero acreditar que estes três pontos sejam o ponto de viragem deste Belenenses. Que se acabem com os mercenários de paupérrima qualidade, que se saiba aproveitar os dinheiros adiantados e que o novo mister faça das palavras proferidas na apresentação actos. Que este clube se reerga de uma vez por todas.
E se é que elas existem mesmo....que nos lancem uns pozinhos mágicos que bem precisamos...